Juntas somos mais Movimento Vamos Juntas

Movimento ''Vamos Juntas'' ameniza o medo das mulheres em andar sozinha pelas ruas. Conheça e adira!

12:08Juliana Medeiros


Hoje eu venho gritar e levantar a voz por milhares de mulheres, milhares de pessoas que se sentem humilhadas por não se sentirem seguras. E se você também se sente assim, se junte a nós, juntas somos mais.


Vocês não têm noção do nó na garganta de quando nos sentimos ameaçadas andando sozinha pelas ruas. O alivio de ver que quem esta atrás de você em uma rua deserta, é uma mulher, nos acalma. Minha magoa desse mundo vazio percorre meus dias, toda vez que eu volto da faculdade, no escuro, me sinto vencendo mais um dia. E isso parece loucura pra vocês, não precisam temer tanto ao andar por ai. O medo de sermos violadas, invadidas e desrespeitadas nos assustam t-o-d-o-s os dias. Eu queria poder ter a sensação de segurança andando na rua, mas infelizmente é totalmente o contrário, já não bastasse sentir medo de tomarem nossas coisas que foram compradas com suor, temos que temer sermos assediadas ou até mesmo estupradas. E eu não consigo entender um mundo onde há pessoas que apóiam esse tipo de ato. Eu abomino toda e qualquer atitude que invada o espaço do outro. Enquanto isso há pessoas incentivando a violência contra a mulher, se aproveitando desse medo que nos ronda. A realidade é que já não nos sentimos seguras em nosso país, nosso bairro, nossa casa. No lugar em que deveríamos nos sentir segura, que é perto dos nossos familiares, há meninas que temem todos os dias chegar em casa, porque sabem que lá alguém vai as violar também. Isso é a coisa mais suja de se imaginar, e acontecem casos seguidos, e ninguém faz nada! Hoje venho contar um dos milhares de casos que devem ter acontecido durante o dia 20/08.


(Imagem: Reprodução agravo) 

Em um dia que era pra ser comum, uma menina sofreu uma tentativa de estupro na Linha 3 Vermelha do metro. Os vagões como sempre andam absurdamente lotados, principalmente nessa linha. E nessa superlotação houve o seguinte:

''Num determinado momento da viagem, uma menina de aparentemente 16/17 anos estava sendo encoxada pelo cara que estava atrás dela e reclamou. O babaca quis discutir, dizendo que se ela queria espaço não deveria estar lá, mas a menina continuou a reclamar e pedir pro cara parar. No meio de tudo, outro homem gritou "Estupra ela pra ela saber o que é encoxada de verdade"! SIM, ELE GRITOU ESSA BARBARIDADE! O pior foi TODO O RESTO DAS PESSOAS começarem a incitar a violência contra a menina gritando "Estupra! Estupra!". A menina que era alvo congelou em estado de pânico.O trem estava parado entre as estações Tatuapé e Bresser- Mooca, o cara que estava encoxando a moça foi pra cima dela segurá-la e outro cara próximo a eles TAMBÉM TENTOU SEGURÁ-LA. Minha amiga que estava um pouco mais pra trás da situação toda, empurrou as pessoas que estavam bloqueando a passagem dela, ajudou a menina a se soltar dos caras e as duas ficaram na porta pra descerem. '' Conta Mayra Nakamura, em suas redes sociais.   

Não se sabe ao certo se a menina conseguiu fazer a denúncia. Conseguem entender como a situação é pior do que aparenta? Há homens com desejos ocultos sobre uma mulher sendo ''refém'', onde eles se satisfazem com a sensação de ''fraqueza'' da mulher. Onde o NÃO, não os impedem de parar. Acontecem casos de assedio no metro sempre e como todos os casos de tentativa de estupro tentam desestimular a vitima a registrar ocorrência. E ainda insinuam que a mulher tem culpa pelo ato. A sociedade estimula a prática de violência contra mulher, mas JUNTAS SOMOS MAIS. E NÃO HÁ FRAQUEZA EM NÓS. Somos fortes, saímos todos os dias engolindo nossos medos, em busca de uma vida digna. Lutamos pelos nossos direitos sempre que nos é tomado. Protegemos umas as outras como se fossemos uma. 


E é aqui que eu respondo a pergunta que me foi feita ontem ao sair da faculdade:

''Nossa, você mora perto. Vai sozinha pra casa, pra que ligar pro seu pai te acompanhar?'' 
Acho que já respondi. 

E em base nisso, venho compartilhar com vocês um movimento que já cresceu muito, que se chama ''Vamos Juntas?''. Aonde a ideia de mulheres que vão para os mesmos destinos, se unam e cheguem a salvo em casa, realmente acontece. 


Esse movimento me faz ver que ainda há esperanças, eu não preciso caminhar sozinha. E são simples atos como esse que nos trazem paz durante nossos trajetos. Você pode andar lado a lado de outra mulher sem ao menos a conhecer, juntas somos mais. E sororidade é a palavra que explica esse movimento. Que completa 116.439 pessoas que apoiam essa ideia. Incentivam também a se organizarem e caminharem juntas pessoas que já estão no seu ciclo de colegas, como no trabalho, faculdade, festas e que vão seguir o mesmo percurso. Devemos ter em mente que o mesmo medo que você esta carregando, outras mulheres também carregam. E quando há alguém para dividir, o peso diminui. E podemos vencer isso. E na pagina do movimento vemos vários depoimentos de mulheres que se uniram e ajudaram a outra. Assim como no caso que vimos a cima (do metro), outra menina a ajudou a sair dessa tentativa. E é assim que devemos seguir, andando juntas. É importante que você também divida sua história e escreva para o movimento. Assim você ajuda outras mulheres a seguir sua atitude. 




E então, vamos juntas?


Curta Vamos Juntas?



Que possamos ir e vir sem medo! Sonhamos com um caminhar de paz! Se junte a nós e grite. 

Como diz minha professora. #Alutacontinua




You Might Also Like

14 comentários

  1. Parabéns , amei a iniciativa e também concordo com tudo . Amei seu blog , parabéns !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gi, não sabe como fiquei feliz com seu comentário! Espero que nos acompanhe sempre! A luta continua! ♥

      Excluir
  2. Realmente, não podemos nem andar mais com um vestidinho confortável sozinha que já nos sentimos ameaçadas. Hoje mesmo estava usando e vários homens olhavam com maldade e um tentou me agarrar! ¬¬
    adorei a iniciativa e já estou curtindo a pagina <3

    m-eusvicios.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eles acham que isso é um ''convite'', quando na verdade é uma desculpa esfarrapada pra falta de ética deles. Viu algo parecido, peça ajuda, denuncie. Assédio também não pode passar em branco. Devemos lutar pelos nossos direitos de ir e vir em paz.

      Excluir
  3. Eu adoro esse movimento, queria postar sobre ele no blobg em breve também e contar experiencias minhas e de parentes minhas tb! vai ter encontro em POA agr mas n vou :ccccccc enfim, acho o movimento otimo!!! :D

    bjosss http://sugar-dance.org

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Camilla, é um movimento muito legal mesmo! Poste sim, precisamos divulgar esse tipo de movimento pra alertar mais meninas. Eu não moro em POA mas tenho amigas por ai, tenta ir poxa ): Obrigada pelo comentário! ♥

      Excluir
  4. Iniciativa maravilhosa!! =)
    As pessoas sempre achavam engaçado meu pai me esperar no ponto de ônibus, ou me buscar em algum lugar.. falavam que eu era INSEGURA demais ¬¬...

    Dou valor a causa ^^
    www.saidaminhalente.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Insegura nada, temos que colocar nossos caminhos nas mãos de Deus. Mas jamais confiar nessas ruas, sempre com um olhar critico. Qualquer pessoa pode ser um risco pra nós. Não podemos confiar. Você esta certíssima, se temos quem nos busque, muito melhor. E seguro. Beijosss ♥

      Excluir
  5. Eu achei este movimento sensacional! Só sendo mulher pra saber a aflição que dá ao andar sozinha por aí e trombar com alguém no meio do caminho, e nada tira o alívio em encontrar alguma mulher seguindo pelo menos trajeto pra nos sentirmos menos vulnerável durante a noite. Este movimento só vai fortalecer ainda mais a parceria entre a gente, boto muita fé!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei feliz em te-la por aqui! Babee, as mulheres precisam se ajudar e caminhar juntas. Realmente, como disse, só irá fortalecer mais a parceria, ontem mesmo minha mãe usou o movimento e eu sou grata por isso tudo. Eu também boto fé! E esse movimento só cresce, a cada divulgação, foi mostrado na televisão uma moradora de rua que viu o movimento pela Fátima Bernardi e ajudou uma mulher em apuros. É puro amor!

      Excluir
  6. Sigo essa página no face e achei mto bacana o movimento <3

    beijão <3

    Talita
    http://blog.cerejarocks.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que tenha gostado! É lindo o movimento! ♥

      Excluir
  7. É chato que precisamos desse tipo de coisa para nos sentirmos mais seguras nas ruas, né? Mas, é necessário.. E realmente achei muito bom, uso bastante tal comportamento de uns tempos para cá e minhas amigas também. <3

    Vidaemserie.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É triste termos que andar assim pelas ruas, pois não nos sentimos bem no nosso lar. Mas não estamos sozinhas! Estamos juntas, guardando várias histórias. E que esse movimento cresce cada dia mais! Beijo ♥

      Excluir

(não aceito comentários ofensivos, críticas construtivas são bem vindas.)

Chega de fiu fiu

Os melhores links FEMININOS

Popular Posts

Formulário de contato